Blog do Eloi Zanetti – Consultoria, Palestras e Artigos de Marketing, Criatividade e Vendas

Blog do publicitário e escritor Eloi Zanetti. Consultoria, palestras, artigos e tudo o que você precisa saber sobre marketing e vendas. Curitiba – PR | Rua Senador Saraiva 78 | Telefone 3026-0222

  • RSS
  • Linkedin
  • Facebook
  • Twitter
  • E-mail

Archive for janeiro, 2011

A Rede de lojas de roupas Zara (espanhola) – adotou o conceito de “processos logísticos” e “fast model” isto é, fazer chegar rápido aos seus clientes a moda mais atual e inovadora. Para tanto dirige todo o seu esforço de marketing nas próprias lojas, buscando os melhores pontos comerciais onde se instala – 77 países e 1.500 lojas –  O estudo de cada ponto é realizado nos mínimos detalhes e  …




Como gosto de estudar os processos criativos,  assisti ontem na GNT (canal a cabo) um programa sobre o  último desfile de moda do mestre Yohji Yamamoto. Um trecho do programa você pode ver clicando aqui. Há tempos, outro mestre, Wim Wenders, cineasta alemão, fez um belíssimo documentário sobre Yohji (A Identidade de Nós Mesmos). Incumbido pelo Museu Georges Pompidou para realizar um documentário sobre moda – Wim Wenders – que disse não entender nada sobre  …




Nos planejamentos de marketing e nas estratégias de vendas, um cuidado quase sempre passa despercebido: atentar para que as ações postas em prática não façam a empresa morrer de sucesso. O preparo é tudo em qualquer atividade humana. Lançar produtos e serviços, sem o devido respaldo para o bom atendimento, pode significar uma bela, inócua e perigosa pirotecnia. É comum ouvir frases como: “Investimos muito em equipamentos, maquinários e decoração  …




Um amigo me enviou alguns cartuns do Quino em que o autor desfia seu desapontamento e indignação com os tempos modernos e seus novos equipamentos. Tempos modernos! Isso me lembrou Charles Chaplin e o seu clássico filme (1936). Nada tão antigo, nada tão contemporâneo. Quantos remakes já fizeram sobre esse filme e assunto? E antes dele? Eça de Queirós, Fernando Pessoa, Mark Twain e dezenas de outros, até chegarmos à  …




A empresa Auping, fundada em 1888 e presente em 25 países em vez de vender camas vende boas horas de sono e trata-os como uma questão de saúde. Seus produtos são feitos com orientações de ortopedistas, psiquiatras, especialistas em luz, cores, tecidos e, é claro, de designers. Por isso uma super cama Auping chega a custar quase 70 mil reais. [youtube:http://www.youtube.com/watch?v=yG0lnV-wc_M]




“Não somos uma loja de chocolate, mas uma grife de presentes. Nossos concorrentes não são outras lojas de chocolate, mas joalherias e perfumarias.” Ao dizer isso para si própria e ao mercado a Kopenhagen cria imenso valor para sua marca e produtos. É assim que se faz marketing criativo. Quer mais? Leia este post aqui!




A palavra briefing, como milhares de outras, nasceu no ambiente militar. Durante a II Guerra Mundial, quando os oficiais da RAF – Força Aérea Real Inglesa – reuniam-se com os pilotos para orientar uma missão, passavam um briefing. A palavra designava o dever a ser cumprido. Cada piloto recebia as informações sobre a importância e a localização dos alvos. O vocábulo migrou para o ambiente publicitário e ficou restrito a  …




A melhor definição sobre Rogério Dias quem deu foi o Solda: “O Rogério Dias não é um… são vários. Existem muitos. Eles estão disfarçados e às vezes se juntam numa só pessoa.” Com a arte do Rogério Dias passei por uma das mais incríveis experiências de sensibilidade da minha vida. Vou contar: há alguns anos o Rettamozo me apresentou ao Rogério e ele me mostrou o trabalho que fazia. Eram  …




Acompanhe esta história – é sobre amaciantes de roupas. Mon Bijoux disputava o mercado com o Confort Ambos tinham atributos iguais. O Confort tinha vantagens porque havia se instalado no inconsciente das consumidoras como maciez. Não havia nada falando de cheiro… Este seria o diferencial. Foi criada a frase: “Me aperta, me cheira, me chama de Mon Bijoux.” A disputa se equilibrou.




O site da empresa informa que o nome ‘LEGO’ é uma abreviatura de duas palavras dinamarquesas “leg godt” que significam  “brinque bem”. Vejam o que descobri, por acaso, lendo “ Carta ao leitor” de Luiz Costa Pereira Junior, editor da revista Língua Portuguesa – pag. quatro – (recomendo a assinatura da revista ) : “Homero, o da Odisséia e Ilíada, designava Lego (verbo da mesma raiz de logos) como um processo de se  …